Rio de Maio_Ivan Lins e Celso Viáfora


※上記の広告は60日以上更新のないWIKIに表示されています。更新することで広告が下部へ移動します。

Rio de Maio
Composição: Ivan Lins e Celso Viáfora

Rio

as pedras pulsam na manhã grená

Frio

Vejo arrepios na pele azul crepom do mar

As folhas caem no Jardim de Alá

Ah! Por que, no outono, o coração dói mais?

リオよ
暗赤色の朝に、石ころは震える。
寒さ
青い紙の色した海の表面が震えているのが見える
枯れ葉は、アラー公演に落ちる。
ああどうして、秋の心の傷みはこれぼど痛いの?

Rio

o verde vibra na manhã lilás

Frio

Copacabana é um cartão postal vazio

e o batimento das marés é blues

jazz 

O sol enfeita a zona sul
de luz

em vão, em paz

Pardais passeiam sobre o Vidigal em paz

flamingos flanam na Rocinha em paz

O Rio de maio acorda quase em paz

bem perto de mim

Dois sabiás se amam, perto de mim

adolescentes beijam, perto de mim

Ai que saudade de você e de mim

os beijos de amor na tarde sem fim

Se fosse um filme a nossa vida era assim:

um beijo imenso e o mar cantando Jobim

O grande amor se reprisando a vida inteira

Tom

as pedras pulsam na manhã grená

Frio

Vejo arrepios na pele azul crepom do mar

As folhas caem no Jardim de Alá

Ah! O outono faz o coração doer demais...

リオよ
暗赤色の朝に、石ころは震える。
寒さ
青い紙の色した海の表面が震えているのが見える
枯れ葉は、アラー公演に落ちる。
ああどうして、秋の心の傷みはこれぼど痛いの?